9 de jul de 2010

AMOR, MENINO TRAVESSO.



AMOR, MENINO TRAVESSO.

"O amor não quer explicação,
Vem de um jeito que a gente,
Sente no peito, quando
De mansinho, se acomoda no coração.

Adentra nossa alma,
Fazendo dela o seu ninho.
Hoje, me chegou sem dizer nada,
Colado ao meu ouvido, murmurou:
Me aceita, por favor, quero seu carinho.

O amor é assim,
Como um menino.
Faz o que bem quer, no homem, na mulher,
Ele nos vira ao avesso.
Ah! esse amor...
Menino travesso.

Paulo Odair
In 'Canto porque preciso cantar' (2009)

Nenhum comentário:

Postar um comentário